A Aliança pela Infância norteia suas iniciativas por uma Carta de Princípios elaborada no início do movimento. Este documento trata do tempo da infância, do que as crianças verdadeiramente necessitam e dos seus direitos mais essenciais.

 

Missão da Aliança pela Infância

Sensibilizar a sociedade sobre a importância de uma infância digna e saudável. Promovendo o desenvolvimento de seres humanos capazes de construir uma sociedade fundada na cultura de paz, na sustentabilidade ambiental e no respeito a todas as diferenças.

Carta de Princípios

Os valores do movimento internacional estão expressos na Carta de Princípios da Aliança pela Infância, elaborada em 1999, pela educadora norte-americana Joan Almon, uma das fundadora do movimento.

A Aliança pela infância acredita que o espírito da infância necessita de proteção e cuidados, pois é parte essencial da existência de cada pessoa.

A infância é o tempo de:

  • aprender sobre as coisas essenciais da vida; sobre o mundo dos céus e da terra, sobre o que é bom, belo e verdadeiro;
  • amar e ser amado;
  • aprender a confiar;
  • ser verdadeiro;
  • festejar com risos e alegrias.

As crianças precisam de:

  • pessoas que possam respeitar;
  • adultos cujos exemplos e amorosa autoridade possam seguir;
  • momentos de devoção;
  • espaço para experimentar sua curiosidade;
  • limites que as protejam;
  • liberdade para a sua criatividade;
  • tempo para observar;
  • tempo para brincar;
  • vivenciar momentos de carinho, amabilidade, coragem e, inclusive, travessuras;
  • estabelecer viva ligação com a Terra – com os animais e com a natureza, com as famílias e com a sociedade – na qual possam se desenvolver como indivíduos;
  • conhecer os fundamentos da vida;
  • descobrir seus próprios princípios.

As crianças têm o direito de:

  • sonhar e crescer em seu próprio tempo;
  • errar e ser desculpadas;
  • ser protegidas da violência e da fome;
  • ter um lar e ser abrigadas;
  • ser sustentadas para que possam crescer com saúde;
  • aprender bons hábitos;
  • receber alimentação equilibrada.

Fonte: http://educacaoparapaz.com.br/alianca-pela-infancia-principios-e-valores/